Cenas do quotidiano

Versão para impressão

(Anos 40 do Séc. XX)

Mercê do seu clima subtropical húmido, muita da vida da população de Macau fazia-se na rua.

Na rua comia-se; na rua jogava-se; na rua negociava-se, etc., etc.

08_cenas_do_quotidiano_barbeiro 

Nestas três fotos ilustram-se algumas cenas dessa realidade. Numa delas um estabelecimento de barbearia, dando directamente para a rua; noutra, uma mesa de “mah-jong” é montada em plena rua e o jogo decorre; noutra um jovem, carregando o seu irmão às costas num “me-tai”, toma uma refeição num vendedor ambulante de comida (tau-fu kok).

09_cenas_do_quotidiano_mah-jong

07_cenas_do_quotidiano_rapaz

Fotos: Arquivo fotográfico da Casa de Macau

Texto: Vítor Serra de Almeida

Comentar


Código de segurança
Actualizar

Qui Nova?!...

INFORMAÇÃO GERAL AOS SÓCIOS

Dado que, até ao prazo limite indicado para apresentação de listas candidatas aos Órgãos Sociais da nossa Casa, não foi recebida qualquer candidatura, fica sem efeito o Acto Eleitoral previsto para o próximo dia 16 de  Dezembro de 2017.
Assim, a solução que vier a ser encontrada, no quadro dos nossos Estatutos e Regulamentos, será comunicada aos nossos associados pelos meios de informação habituais.
Apela-se, novamente, aos sócios, para uma participação activa e interessada nos assuntos da nossa Casa e, assim, constituírem listas para a sua gestão.
O Presidente da Mesa da Assembleia Geral Eleitoral
Vítor Serra de Almeida

Lisboa, 17 de Novembro de 2017.

 

Ler mais...